15 de ago de 2012


Estruturação e organização espacial
(Percepção Espacial)

É a tomada de consciência da situação do próprio corpo, na relação com o meio ambiente. A organização do mundo exterior parte do EU como referência, depois com relação ao outro, aos objetos e dos objetos entre si. 
    As dificuldades de estruturação espacial dificultam na criança a percepção à direita e à esquerda, podendo confundir letras e números na leitura e na escrita, por ex: d/b, p/q, 21/12, n/u, ou/on, bola/loba, toc/cota. Dificultando, portanto o processo de aprendizagem da leitura, da escrita e da matemática.

***Sugestões de atividades***

- Orientação do corpo no espaço: explorar as mais diferentes formas de deslocamentos:
***caminhar, engatinhar, rolar, arrastar, pular (rápido, lento, perto, longe, em cima, próximo, em baixo...);
- Orientação no espaço imediato: explorar deslocamentos que envolvam posições do corpo (dentro-fora, acima, em baixo, entre...), ex:
 ***andar entre as carteiras, passar por baixo da mesa, entrar na caixa ou pular dentro do arco...
- Sentido de distância: explorar deslocamentos que envolvam distâncias com relação ao corpo e dos objetos entre si, por exemplo:
***andar perto da parede, longe dos colegas, ocupar com o corpo o máximo de espaço possível, o mínimo possível...;
- Desenvolver noções de direita e esquerda: explorar com movimentos corporais o lado direito e esquerdo do próprio corpo, do corpo do colega, através de jogos e brincadeiras que envolvam o andar, correr, saltar, pular, rolar...

***SUGESTÕES DE JOGOS E BRINCADEIRAS***

CAÇADA DE ANIMAIS

PREPARAÇÃO: Nos quatro cantos da sala ou quadra, traçam-se os “currais” e num dos lados do mesmo, a “prisão”. Uma criança será o pegador e as demais serão divididas em quatro grupos de igual número, sendo que, cada grupo será nomeado como um tipo de bicho que vive em currais.
DESENVOLVIMENTO: Dado o sinal, o caçador grita o nome de duas espécies de bichos que deverão trocar de lugar. O caçador deverá persegui-los e todo aquele que for caçado deverá ser recolhido à prisão.

A PONTE

PREPARAÇÃO: Organizar duas linhas no chão. Sendo uma fixa e outra móvel. Os alunos deverão organizar-se em fila.
DESENVOLVIMENTO: Dado o sinal, os alunos deverão pular a ponte, sem pisar no centro.
Conforme forem passando a ponte será aumentada.
OBSERVAÇÃO: Vencerá a criança que conseguir pular a maior distância delimitada no chão.

O PASSARINHO QUER SEU NINHO 

PREPARAÇÃO: Desenhar no chão vários círculos, conforme o número de alunos. Sendo que cada criança (os passarinhos), deverá ficar dentro dele, sendo assim nomeado seus ninhos. Uma criança em destaque ficará sem “ninho”.
DESENVOLVIMENTO: Dado o sinal, o professor dirá: - Passarinho quer seu ninho!
 Nesse momento as crianças deverão trocar de lugares.
E a criança destacada deverá tentar ocupar um lugar.
OBSERVAÇÃO: Pode-se ir eliminando os círculos, retirando as crianças que não conseguirem ocupar os círculos.

6 comentários:

Anônimo disse...

MUITO LEGAL!!!!!!!!

Francisca Da Cruz Souza disse...

Gostei muito das brincadeiras aqui proposta

selma francisco jatobá disse...

legal uma maneira importante para desenvolver as habilidades nas crianças

luzinete santos disse...

Nossa me apaixonei pelas brincadeiras nota 1000

luzinete santos disse...

Nossa me apaixonei pelas brincadeiras nota 1000

luzinete santos disse...

Muito bom gostei demais.Parabens

Postar um comentário