20/01/2011

LATERALIDADE – Tarefas

TAREFAS
  1. Colocar 3 objetos coloridos na mesa: azul, vermelho e verde; trocá-los da esquerda para a direta.
  2. Descrever um círculo no ar com o braço direito, repetir com o esquerdo.
  3. Automatização (direita/esquerda): 1 batida de tambor, pé direito; apito pé esquerdo. Executar ordem: levanta pé esquerdo, feche mão direita (criatividade do professor).
  4. Dissociação (direita/esquerda): bater a bola com a mão direita dizendo: direita, direita... Balançar o braço direita depois o esquerdo. 
JOGOS

BATATA QUE PASSA
             Crianças em círculo, uma de posse de uma bola que passará da direta para a esquerda, enquanto todos cantam:
Batata que passa, passa
Batata que já passou
Quem está com abatata
Coitadinho já dançou
             Ao terminar de cantar, quem estiver de posse da bola, dançará no meio da roda.

TARTARUGA E O COELHO
             - Duas bolas de cores diferentes;
             - Crianças em círculo, uma de posse das bolas, ao sinal a criança que tem as bolas passa uma bola para cada colega do lado, enquanto os colegas gritam: “Corre, corre tartaruga que o coelho já vai te pegar”.
            - A criança que for pega com as 2 bolas na mão vai para o centro da roda, continua o jogo  até ficar somente dois jogadores.

JOÃO PALMADA
·        Roda, um aluno de fora da roda o “João”;
·        Ao sinal o “João” sai correndo e dá uma palmada em um colega que deverá correr pelo lado contrário;
·        Quando eles se encontrarem o colega cumprimenta o “João”: Bom dia! E corre para chegar primeiro ao lugar vago.
·        O que ficar de fora será o “João”, assim continua o jogo.
            

6 comentários:

Anônimo disse...

também sou professora de ed infantil,e adoro ver os alunos em movimentos, utilizo muito as suas ideias.
parabéns
Maria José

Anônimo disse...

Legal ein, me ajudou bastante. Obrigado e poste mais. Fernando.

Sementes de Sião disse...

excelente atividade obrigada por partilhar

Anônimo disse...

gostaria só de te fazer uma pergunta. Nas aulas de educação fisica é errado o professor deixar os alunos brincarem de futebol ou queimada no final das aulas. dou aulas para alunos do 1º ao 5º ano.
E se é errado o estagiario nos ajudar. Porque aqui na minha escola o coordenador falou que os estagiarios mesmo remunerados so podem assistir as aulas.

Professora Carminha disse...

Interessante suas perguntas anônimo(a).
A princípio, não vejo nada de errado em deixar os alunos brincarem de futebol ou queimadas, desde que seja apenas no final das aulas mesmo. Eu particularmente, principalmente no início de ano, quando recebo alunos que me chegam de certos professores, e trazendo consigo o péssimo conceito de que E.Física se resume em jogar bola.
Então negocio com eles, façam todas as atividades que proponho e só assim jogarão futebol no final, e dá certo. Farei uma postagem sobre E.Física em breve.
Quanto ao ESTAGIÁRIO: Deve ajudar sim, tem que "botar a mão na massa". De que forma ele vai se profissionalizar deixando de lado o exercício da profissão e do experimento real? Antes de tudo, você precisa passar suas orientações para o estagiário, o teu sistema. Eu faço isso e posso garantir que minhas estagiárias serão exelentes profissionais, pois brincam com as crianças, sentam no chão e já são amadas por eles, isso representa uma ótima oportunidade de aplicar qualquer atividade que visa o desenvolvimento psicomotor, é só quererem.
Quanto ao seu COORDENADOR: Na minha modesta opinião, ele não está com nada. Se o estagiário só vai assistir e ainda é remunerado(o que não acontece na minha cidade), posso afirmar que o dinheiro da Educação não está sendo bem aplicado na tua cidade. Se ele está sendo pago para apenas assistir as aulas, seria melhor deixar uma câmera filmando e assistir em casa numa poltrona. Aqui, temos que avaliar o estagiário no final, dando uma nota e um parecer.
Sabe colega, nas minhas aulas, coordenação e direção de escola não podem interferir, pois não posso admitir que pessoas com cargos políticos atravessem minhas experiências, minha dedicação e esforço por aquilo que considero fundamental para os alunos. Resultado: Não temho problemas nenhum com direção e coordenação, pois me deixam trabalhar a vontade e assim recebem todo o meu respeito, procuram minhas opiniões e vice-versa, e tudo isso faz com que eu seja realmente muito feliz na profissão.
Eu digo isso porque, além de professora, sou sindicalista e estou sempre disposta a fazer a frente para intervir a favor dos direitos das crianças e o bem estar de todos os meus colegas. Se vemos que algo não é justo, não podemos ficar calados, e isso não é nenhuma falta de humildade, caso contrário, seria ingenuidade. E pra quem discorda disso, é inevitável uma dorzinha, mas o que vale é estarmos unidos pelos nossos direitos sem deixar de cumprir os nossos deveres. Um grande abraço!

Anônimo disse...

Legal...vlw!!

Postar um comentário