25 de abr de 2011

ATIVIDADES PARA IMPRIMIR:


MÚSICAS PARA O DIA DAS MÃES:
Clic nos Títulos para baixar

Te Amo Mãe 

UM POEMA DO DIA DAS MÃES DE TEMPOS ATRÁS:

MAMÃEZINHA

"Mamãe você é bonita
mesmo vestida de chita 
ou vestida de algodão,
pois a sua beleza 
não precisa de riqueza,
está no seu coração."
                         (Cecilia Bueno dos Reis Amoroso)


Esse poema foi uma sugestão do meu marido. Ele aprendeu na 1ª série e nunca esqueceu rsrsr, pois foi sua primeira apresentação graças a sua professora, hoje é músico e compositor. 







22 de abr de 2011


  DESENVOLVER AS HABILIDADES: Coordenação Visomotora / Criatividade /
Linguagem / Percepção Visual

BRINCADEIRA - O TRABALHO (na sala de aula


* Alunos sentados, uma bola de papel;
* Professora inicia a brincadeira, dizendo o nome de uma profissão e arremessa a
 bola para um participante, que deve apanhar e dizer o que faz o profissional que tem
essa profissão, e este diz outra profissão e joga a bola para outro colega; assim por diante;

TRABALHADORES DA ÁFRICA

# Um aluno escolhido para ser o que descobrir o trabalho que os ‘trabalhadores
da África’ estão fazendo, este aluno fica a 5m dos outros e de costas, de modo a
 não ver os colegas;
# Os colegas combinam uma mímica para representar um tipo de trabalho, por
exemplo: motorista (fazem o gesto de dirigir), todos fazem o mesmo gesto;
# Depois de escolhido o gesto todos se encaminham até o colega que está de
costas e dirão:
- “Somos trabalhadores da África e queremos trabalhar”!
O colega se vira e responde: - “Então comecem a trabalhar”!
# Todos fazem o gesto combinado e o colega terá 3 chances para descobrir o
 nome do trabalho, se errar as 3 vezes paga ‘prenda’;



DESENVOLVER AS HABILIDADES:
 Percepções – Espacial / Temporal / Visual; Criatividade;
Esquema Corporal; Socialização; Motricidade Ampla;
 Equilíbrio; Noções das cores; Aritmética;

PREPARAÇÃO:
- Cada aluno deverá dispor de 1 disco de papelão colorido
( 25cm de diâmetro);
- Os alunos ficarão à vontade distribuídos pelo pátio ou área fechada,
 de posse do disco colorido; 




ATIVIDADES

01) Atirar o disco para cima e segurá-lo;
02) Atirara com uma mão e pegá-lo com a mesma mão.
Depois, atirar com uma e pegar com a outra mão (e vice-versa);
03) Caminhar com o disco, imitando um automóvel;
04) Caminhando com o disco equilibrando na cabeça;
05) Arremessar o disco para longe e buscá-lo correndo;
06) Corrida: caminhar e ligeiro de um ponto a outro com o disco
 entre os joelhos; Depois caminhar em quatro apoios de barriga p/ baixo
e após p/ cima;
07) Correr em zigue-zague entre os discos;
08) Cantar uma música, batendo o disco contra a palma da mão,
 observando o ritmo;
09) Todos os alunos juntarão os discos e montarão algo com eles;
(poderão criar figuras);
10) Os alunos podem criar outras atividades com os discos.

JOGO

  • Dividir a turma em 4 equipes;
  • Colocar um disco atrás do outro;
  • O 1º aluno corre, coloca seu disco no local convencionado,
 volta e bate na mão do próximo colega; este corre, coloca seu
disco atrás do disco do colega e assim por diante, até terminar
os discos da equipe.


CORES



TRABALHAR NOÇÕES SOBRE AS CORES – Cores Primárias /
 Cores secundárias / Cores Neutras.
Obs: O Prof. fala sobre as cores, os alunos fazem, em outro
 momento, na sala de aula experiências com as cores (mistura das cores) e pintura. Uma história que fala sobre as cores primárias bem interessante
 para contar ás crianças – ALÉM DO ARCO-ÍRES, Gerusa Rodrigues Pinto, ed. Fapi Ltda.

TAREFA

  • Formar grupos conforme as cores dos discos;
  • Contar os componentes de cada grupo, comparar: onde tem
 menos / mais elementos; juntar dois grupos quantos elementos ficam;
tirar elementos do grupo maior quantos ficaram...

JOGO TROCA-TROCA

A)    Alunos espalhados, com o disco no chão;
B)     O profe. grita: “ Trocam-se os amarelos!”
Então todos os que tiverem disco amarelo, terão que trocar de lugar;
C)    “Vermelho e verde!” quem tem disco vermelho troca de lugar com
 alguém de disco verde;
CORES

Formar grupos de acordo com as cores: primárias / neutras / secundárias
Cores Secundárias =
* alaranjado, grupo de amarelo e vermelho
* roxo, grupo de azul e vermelho
* verde, grupo de amarelo e azul

Cores Neutras =
*  cinza, grupo de branco com preto.

18 de abr de 2011



COELHINHO SAI DA TOCA

Objetivo: Executar habilidade motora fundamental de
 Locomoção. Trabalhar as Percepções: Temporal/Espacial.

*Material: arcos (bambolês)
*Distribua os arcos pelo chão.
*Cada criança deverá ficar dentro de um arco.
*Ao sinal do professor: "Coelhinho sai da toca",
os coelhos (!!!) devem trocar de toca.
*A cada rodada retirar um arco.

 REVEZAMENTO DO COELHINHO

Objetivo: Executar habilidade motora fundamental de locomoção (saltar).
 Realizar trabalho em equipe. Compreender o jogo competitivo.

*Material: Giz, cones (ou outros materiais para marcar);
*Dividir as crianças em duas ou mais equipes.
*Marcar com o giz a linha de saída/chegada e com os cones
 o ponto de retorno.
*As equipes deverão permanecer em colunas atrás da linha.
 *Ao sinal a primeira criança, de cada equipe, deverá sair saltando
 como um coelhinho até o cone, contorná-lo e retornar até a linha,
onde a próxima criança continuar processo, até a última.
*Vence a equipe que terminar primeiro.

*Variações:
Para deixar mais fácil: Permitir que o coelho salte da forma
 que a criança achar melhor.
Para deixar mais difícil: 

1.     Saltar com os pés unidos
2.     Saltar com impulso
3.     Saltar com os dois pés
4.     Saltar de costas
 O SALTO DO COELHINHO

Objetivo: Executar habilidade motora fundamental.

*Material: Giz (ou outro material para marcar)
*Demarcar duas linhas. As crianças deverão saltar de uma
 linha para a outra, como se fossem coelhinhos.
*Aumentar a distância entre as linhas conforme forem
conseguindo executar a tarefa.

 O RABO DO COELHO

Objetivo: Executar habilidade motora fundamental de locomoção e
 estabilização. Trabalhar memória visual.

*Material: Cartolina com o desenho de um coelho da páscoa, de costas.
 Pompom feito de lã ou outro material. Fita crepe. Venda.

*Fixar a cartolina com o desenho em uma parede para que
fique ao alcance dos participantes. Colocar fita crepe no pompom.
*Solicitar que o participante observe a figura.
*Vendar o participante.
*Girar o participante vendado, deixando-o de frente para a cartolina.
 Ele deverá colocar o rabo no local adequado no coelhinho.
  COELHO BAGUNCEIRO

Objetivo específico: Trabalhar Figura Fundo.

*Material específico: Cartolina com o desenho de um coelhinho
usando diversos acessórios (óculos, cachecol, bolsa... e cesto com ovos).
Cada um dos acessórios usado pelo coelho, deverá esconder um
ovo, para serem encontrados pelos alunos.

*Esconder os ovos e deixar nas proximidades dos acessório do coelho.
*Fazer uma roda de conversa e contar a história do coelho bagunceiro,
(profe inventa), mostrar a "foto" do coelho (cartolina desenhada).
*Pedir para que as crianças ajudem a encontrar os ovos de Páscoa escondidos.


17 de abr de 2011

POEMA – Crianças e seus brinquedos


 


CRIANÇAS E SEUS BRINQUEDOS
Uni duni tê,
Salame mingúe,
Um sorvete colorê,
O escolhido foi você.

Não parece passarinho,
Não parece aviador,
Mas passa sempre voando
Pelo escorregador.

Sobe, sobe para o céu,
Desce, desce para o chão,
A menina na gangorra
Balança meu coração.

Todo mundo sai a toda,
Correndo atrás do colega,
É preciso ficar esperto,
Na hora do pega-pega.

Rolando no gira-gira,
Parece que a vida gira,
Parece que a roda roda,
Girando no gira-gira.

Quem foge cai na risada,
Quem procura não sossega,
Escorrega tropeçando,
No jogo da cabra-cega.

Faço túnel, faço estrada,
Faço lago com baleia,
Faço castelo gigante,
Naquele tanque de areia.


Quem quiser brincar comigo,
Vem aqui, levanta a mão,
Ficam três de cada lado,
Vai ser policia e ladrão.

É corcunda, cabeludo,
Tem chifre e anda de quatro,
Não é monstro, nem fantasma:
Vai pra aula de teatro.

Pega, joga, dribla, passa,
Corre, chuta, cai e rola,
Cabeceia, grita, pula,
Vai e volta atrás da bola.

Sobe lá mas desce logo,
Parece até uma dança,
A viagem nunca chega,
Pra quem brinca na balança.

É gostoso e divertido,
Não tem risco nem perigo,
A vida ganha sentido,
Quando se tem um amigo.
(Ricardo Azevedo)










;;